Aquecimento E3 2010

Aquecimento E3 2010: O que esperamos da feira

A cada dia que passa a E3 2010 se aproxima. No dia 15 de Junho iniciará em Los Angeles, nos Estados Unidos, a edição 2010 da maior feira de jogos do planeta e cerca de dois meses antes da feira abrir as suas portas, inicia-se o período onde os rumores começam a pipocar na internet. O Game Generation decidiu então se antecipar a esses rumores e dar a sua opinião sobre o que qualquer dono de Playstation gostaria de ver na famosa conferência da Sony.

O que é? Pouco falada até a última E3, a tecnologia 3D parece que caiu no gosto de todo o mundo. Cada vez mais filmes estão em 3D nos cinemas e com os jogos parece que não será diferente. A Sony já divulgou que dará suporte 3D aos jogos de Playstation 3 através de uma atualização de firmware, mas até agora nenhum detalhe foi divulgado a não ser apresentações fechadas com o Wipeout HD em 3D rodando. Uma suporta lista de jogos com esta teconologia foi recentemente revelada, mas nada confirmado pela empresa japonesa.

O que queremos? As informações são praticamente nulas até o momento, apenas rumores surgiram na internet e nao foram confirmados pela Sony. Gostariamos que fosse confirmada a data de lançamento do Firmware que dará suporte a jogos 3D para o Playstation 3 assim como a futura data de lançamento da Firmware que dará suporte a filmes 3D no Playstation 3 (Inicialmente, segundo rumores, apenas jogos suportariam esta tecnologia e posterioemente em um segundo update de firmware os filmes em BluRay ganhariam este suporte). Além disso uma lista de jogos que terão tal tecnologia, porque não Gran Turismo 5?

Expectativa: ★★★★☆

O que é? O Playstation Move, recentemenre revelado pela Sony, é o controle de movimento do PS3. É a resposta da familia Playstation para o Nintendo Wii que pretende aliar alta definição gráfica com excelente captura de movimentos.

O que queremos? Muito já foi visto sobre o Playstation Move, alguns jogos já foram revelados e testados na última conferência da Sony, mas até agora nenhuma data de lançamento foi confirmada, bem como os possíveis pacotes que serão vendidos junto com o controle de movimentos. Gostariamos de um anuncio da data de lançamento do controle para o 3º Trimestre de 2010 junto com diversos jogos. Além disso gostariamos de ver o Playstation Move em ação com jogos não casuais (Além do SOCOM 4) para ver se realmente é possível aplicar o controle de movimentos com os jogos que jogamos hoje em dia, pois com jogos casuais já ficou claro que o Playstation Move será imbatível em termos de diversão de precisão.

Expectativa: ★★★½☆

O que é? É o controlador do Sistema Operacional do Playstation 3. Através das suas atualizações a Sony consegue adicionar novas funções ao console.

O que queremos? Além da futura atualização que dará suporte ao 3D, existem muitos outros pedidos de novas funções para o Playstation 3. Gostariamos que a Sony divulgasse na E3 2010 mais funcionalidades úteis para o Playstation 3, como o tão aguardado Cross Game Chat.

Expectativa: ★★★★½

O que é? O sonho de todos nós!

O que queremos? A confirmação do lançamento do console em território nacional por um preço acessível. Depois de falar na E3 2009 que iria expandir seus negócios na America Latina, a Sony abriu finalmente a sua divisão Playstation no Brasil. Até então foram lançados jogos de PS2 e PS3, bem como o console PS2, mas ainda nenhuma data de lançamento do PS3 foi divulgada. Além disso gostariamos do lançamento da Playstation Store brasileira junto com o console por aqui. Porque não sonhar?

Expectativa: ★★★☆☆

O que é? Renomada série de jogos de corrida com milhões de copias vendidas pelo mundo.

O que queremos? Queremos uma data definitiva de lançamento. O jogo que deveria ser lançado em 2009 e depois foi adiado para Março de 2010 foi novamente adiado, mas agora sem data definida para lançamento. A Sony precisa revelar de uma vez por todas a data de lançamento do jogo antes que a sua credibilidade seja colocada em xeque. Além da data de lançamento queremos uma Demo do jogo disponível na Playstation Store logo após o anúncio da data de lançamento, isto é, no dia da conferência da Sony na E3 2010. Caso a Sony faça realmente isso, ela irá limpar toda a trapalhada que vez com a série Gran Turismo, caso nada seja revelado sobre, ela estará dando um tiro no pé.

Expectativa: ★★★★★

O que é? Jogo da Ubisoft teoricamente exclusivo do Xbox 360.

O que queremos? Simples, queremos o jogo no Playstation 3. Diversos rumores (rumor 1, rumor 2, rumor 3, rumor 4) apontam o lançamento do jogo no Playstation 3, mas até o momento nada foi confirmado pela Ubisoft ou pela Sony. A E3 2010 será o momento propício para anunciar o lançamento do jogo no PS3 até o final do ano. Além disso, depois de perder a exclusividade de Final Fantasy e Metal Gear na E3 2009, seria um ótimo troco derrubar a exclusividade do Splinter Cell em 2010.

Expectativa: ★★★★½

O que é? Possível continuação de Little Big Planet

O que queremos? Alguns rumores começam a surgir na internet de uma possível continuação do jogo, mas até agora nada foi confirmado. Queremos a continuação de Little Big Planet com suporte total ao Playstation Move.

Expectativa: ★★★★☆

O que é? Jogo de ação anunciado na E3 2009 e ainda sem previsão de lançamento.

O que queremos? I Am Alive conta uma história de sobrevivência em um planeta terra onde a água pura não é mais abundante. Pouco foi mostrado sobre o jogo desde o seu primeiro video na E3 2009 (confira o trailer). Gostariamos de maiores informações sobre o jogo pois ficamos muito interessados e acreditamos no seu potencial.

Expectativa: ★★★½☆

O que é? Jogo oficial da Formula 1 temporada 2010.

O que queremos? Depois de 4 anos aguardando um novo jogo de Formula 1 (Desde F1 2006 nenhum outro jogo da categoria foi lançado para PS3) a licença da F1 foi adquirida pela Codemasters, famosa pelos seus jogos de corrida, que agora está desenvolvendo o novo jogo de F1. Até o momento temos poucas informações sobre o jogo, apenas algumas imagens com os carros da temporada de 2009. Gostariamos de uma data de confirmação do lançamento, assim como a possibilidade de atualização para a temporada 2011 via DLC. Gostariamos também de um demo.

Expectativa: ★★★★½

O que é? Continuação do jogo Mafia I originalmente lançado para PC e consoles da antiga geração.

O que queremos? Confirmação do lançamento. O jogo já foi adiado diversas vezes e até agora não tem uma data exata de lançamento. Apesar de muitas imagens e videos terem sido divulgadas, pouco se sabe sobre a história do jogo.

Expectativa: ★★★★☆

O que é? Continuação de Crysis, jogo de PC famoso pelos seus gráficos de última geração.

O que queremos? Até o momento foi divulgado apenas um teaser do jogo, video com poucas informações. Durante a E3 2010 gostariamos de ver o gameplay do jogo e o possível novo patamar gráfico que teremos na atual geração.

Expectativa: ★★★★½

O que é? Continuação de Max Payne 2, jogo originalmente lançado no PS2.

O que queremos? Outro jogo que já foi diversas vezes adiado e até agora sem data confirmada de lançamento. A última notícia que foi divulgada era o adiamento para o final de 2010. Gostariamos de maiores informações sobre o jogo, assim como um video com gameplay, novas imagens e data de lançamento.

Expectativa: ★★★★☆

O que é? Jogo policial da Rockstar Games situado na década de 40. Concorrente direto de Mafia 2.

O que queremos? Até agora a Rockstar revelou poucas informações sobre o seu jogo. Ela prometeu no começo do ano um 2010 muito animador para os donos de Playstation 3 e sem dúvidas L.A. Noire faz parte desta animação. O jogo é concorrente direto de Mafia 2, mas ainda não temos muitas informações sobre o mesmo. Gostariamos de videos com gameplay e data de confirmação.

Expectativa: ★★★★☆

O que é? Novo joga da série SOCOM, continuação direta de SOCOM 3 lançado para PS2.

O que queremos? No lançamento do Playstation Move a Sony aproveitou para divulgar a primeira continuação direta da série Socom para Playstation 3. Um video foi mostrado e pelo que sabemos até agora será um dos primeiros jogos com suporte ao controle de movimentos da Sony. Gostariamos de ver mais a jogabilidade do novo Socom, com e sem o controle de movimentos e quem sabe uma data de lançamento.

Expectativa: ★★★½☆

O que é? Novo projeto do Team ICO, continuação de Shadow of Colossus lançado para PS2.

O que queremos? Com o codinome Trico desde o lançamento de Shadow of Colossus, o jogo começou a ganhar mais informações na última E3 onde um trailer foi divulgado. De lá pra ca o Team Ico pouco revelou sobre o jogo e milhares de fãs aguardam informações. Mais um jogo quequeremos data de lançamento e videos com gameplay.

Expectativa: ★★★★★

O que é? Possível segunda geração do console portátil da Sony.

O que queremos? Com mais de 5 anos, o atual console portátil da Sony ainda enfrenta dificuldades para fixar-se no mercado. O seu maior concorrente, Nintendo DS, sempre vendeu mais e desde 2009 o Iphone entrou na briga dos games portáteis. Gostariamos que a Sony reavaliasse a sua estratégia para os consoles portáteis. Acreditamos que exista um grande mercado não explorado pela Sony. Seria muito interessante um maior investimento nos Minis, jogos casuais, que fazem grande sucesso no Iphone e também uma SDK aberta para que qualquer pessoa possa criar jogos e vendê-los na PS Store (Mesma estratégia da Apple).

Expectativa: ★★★½☆

 

FONTE:Gamegen

Anúncios

PS MOVE!

A Sony Computer Entertainment anunciou sua conferência na GDC o nome oficial do controle de gestos do PlayStation 3: PlayStation Move. A apresentação do produto coube a Shûhei Yoshida, presidente da Sony Worldwide Studios.

O executivo afirmou que o Move proverá uma “experiência mais precisa”, prometendo um tempo de resposta quase instantâneo (a companhia fala em menos de um “frame”, o que faz supor algo entre 33 milissegundos e 16 milissegundos).

Com o dispositivo, o PlayStation 3 será a solução tanto para jogadores experientes como os casuais, diz a Sony.

No telão, foram mostrados dois tipos de controles diferentes. O principal é o Move, com uma esfera na ponta. São seis botões na parte frontal e uma atrás. Existe uma extensão chamada Subcontroller, com direcional digital e outro analógico. Todos os controles são sem fio. A Sony crê que, com essa configuração, a migração dos jogadores de Wii para o Move será “natural”.

Menos de US$ 100

Estão previstos em três pacotes: somente os controles, junto com a PlayStation Eye ou o “bundle” completo com o console. Essa configuração intermediária está prevista para custar menos de US$ 100. Atualmente, a PlayStation Eye avulsa sai por US$ 40.

Alguns dos games previstos são “Sports Champion”, que é uma coletânea de minigames, como o “Gladiator Move” (título não definitivo), em que o jogador controla um guerreiro, com espada escudo e arco e flecha.

Já em “Move Party”, o jogador é capturado para dentro do jogo, e o controle é substituído por objetos, como uma raquete para matar insetos, ou um pincel. Em “LittleBigPlanet”, um segundo jogador com o Move pode deslocar blocos na tela. “Motion Fighters” é um jogo de luta sem armas, com o personagem visto de três. O game usa dois PlayStation Move.

“SOCOM 4” será compatível com a configuração Move mais Subcontroller. O primeiro dispositivo controla a mira apontando-o para a tela, e o segundo movimenta o personagem.

Grandes parcerias

Peter Dille, presidente da Sony Computer Entertainment para os Estados Unidos, diz que o Move serve para qualquer gênero de games. As proincipais produtoras já desenvolvem games para o dispositivo, incluindo Square Enix, Konami, Electronic Arts, Ubisoft, Disney, Sega, Warner Bros., Crave, Namco Bandai e Activision

O PlayStation Move está previsto para sair no último trimestre do ano.

Sony explica as razões de não usar tecnologia semelhante ao Natal

 

Durante o Engadget Show, foi apresentada uma demonstração do PlayStation Move e revelado o motivo pelo qual a Sony decidiu não optar pela tecnologia de controle de movimentos baseada em câmeras 3D, semelhante à tecnologia usada pelo Project Natal. As principais razões apresentadas foram que não permitiria alcançar algumas experiências pretendidas e os custos de produção ao redor dessa tecnologia. Richard Marks, da SCEA falou sobre o assunto:

 Nós experimentamos muitas câmeras 3D diferentes. Eu adoro a tecnologia de câmera 3D, pessoalmente, gosto da tecnologia em parte.

Trabalhamos perto das nossas equipes para saber o que iria permitir, e o que permitiu fazer as coisas que já fizemos para a EyeToy mais robustas, mas não permitia tantas novas experiências como as que esperávamos que permitisse. Então tornou as coisas que já podíamos fazer uma pouco mais robustas, o que é bom, mas adicionou muitos custos e não permitiu algumas outras experiências que queríamos alcançar.

Outra das razões apresentadas, foi a questão da funcionalidade em ambientes escuros. O PlayStation Move usa as esferas coloridas para orientação em situações com pouca luz. Algumas vezes uma tech demo não se traduz muito bem num produto, a luz no quarto tem que ser suficientemente boa para a câmera ver a cor com confiança, e isso faz um produto difícil quanto não você não tem controle dessas variáveis.

FONTE: UOLJOGOS

Parabéns PSP! 5 anos de vida

Dia 24 de Março de 2005 foi o dia do lançamento nos Estados Unidos do Playstation Portable, o nosso querido PSP. Naquela época muita gente dúvida que o PSP poderia incomodar o reinado da Nintendo quando o assunto era videogame portátil, mas estavam todos enganados. O PSP é um ótimo videogame, gráficos muito perto do que o PS2 é capaz de fazer e uma consistente biblioteca de jogos, são mais de 520. Durante esses 5 anos a Sony sempre trabalhou em novas funções e melhorias para o PSP através das atualizações e novas versões, desde o “Fat” até o “Go”.

Muitos dizem que o PSP está chegando ao ciclo final de vida e que na próxima E3 a Sony deve anunciar o PSP 2, mas a empresa ainda promete grandes novidades .

Sony comenta sobre tecnologia 3D no PlayStation 3 e PSP

3D Gaming Glasses for PC

Depois do anúncio bombástico e inesperado da Nintendo, com o seu Nintendo 3DS, o chefe de marketing da Sony Computer Entertainment America (SCEA), John Koller, fez um comentário sobre a possível implementação da tecnologia 3D estereoscópica no portátil da Sony.

Com a minha AmberVision eu enxergo tudo!Segundo Koller, a Sony não tem nenhum previsão de suporte 3D para o PlayStation Portable, e que a empresa está concentrada em trazer a tecnologia para o PlayStation 3 primeiro:

“Nosso foco na questão 3D é o console caseiro e não o portátil. Acreditamos que as oportunidades no PS3 são muito grandes para serem negligenciadas e precisamos de urgência nesse ponto. O interesse no 3D por parte das lojas e das grandes produtoras de jogos está crescendo exponencialmente. Sabemos que o 3D no PS3 será um sucesso e por isso estamos nos concentrando nisso”.

Enquanto isso a Nintendo confirmou que o novo 3DS estará disponível para testes em junho, durante a próxima Electronic Entertainment Expo (que acontece entre os dias 15 e 17 de junho no Centro de Convenções de Los Angeles).

NEW SUPER MARIO BROS.

New Super Mario Bros.

 
Wii é um game de plataforma que busca trazer de volta ao console atual da Nintendo a sensação tradicional de Super Mario Bros. Mas não se trata de uma adaptação do NES para o Wii, pois o jogo foi construído para proporcionar uma experiência multiplayer diferenciada, na forma de quatro jogadores que participam da ação ao mesmo tempo!

A interação entre os participantes é elemento essencial deste título, já que é possível derrotar inimigos arremessando os amigos em cima deles ou carregar um parceiro de um ponto a outro. Mas ajudar não é a única possibilidade – caso um fominha esteja pegando todas as moedas, jogue-o no abismo!

Alguns power-ups de outros títulos da franquia como a flor de fogo retornam, enquanto novos são adicionados: um capacete com hélice que permite ao personagem voar; e uma fantasia de pinguim que faz com que ele arremesse bolas de neve e deslize no gelo. Certamente uma excelente pedida para os fãs do bigodudo que aguardavam há tempos uma real experiência de plataforma!

VIDEO COMENTADO POR By Eng Leonardo (CRJBr)

Novidades?

Muitas. Somente o fato de que este jogo herda diversas características de vários jogos de Mario é o suficiente para que jogadores de todo o globo fiquem arrepiados. A famosa divisão por mundos, a trama clichê (sim, a princesa está novamente em perigo), a jogabilidade espetacular… Tudo isso está de volta, mas de uma forma muito mais atraente.

quatro jogadores?! Yes, please! 

 Sem sombra de dúvidas, todo mundo parou para ouvir quando New Super Mario Bros. Wii foi anunciado, expandindo a experiência de Super Mario Bros. para até quatro pessoas e com gráficos e jogabilidade revigorados. Mas a experiência continuará sendo a mesma que todos amamos e conhecemos… será?!

 


Caos e muita diversão!


Na demonstração da E3, não havia como escolher os personagens, mas os quatro que foram alocados automaticamente foram: Mario, Luigi e dois Toads. Todos com os mesmos movimentos, apesar das diferenças de aparência. Com eles, o jogador irá atravessar mais de 80 níveis no jogo completo, utilizando as interações entre personagens como principal elemento da experiência.

O nível visto na feira começava exatamente do mesmo jeito que o primeiro do Super Mario Bros. original, o que é bastante agradável. Mas quando você não é único se movimentando na tela, a coisa fica completamente diferente. É possível agarrar os amigos e arremessá-los em cima de inimigos para derrotar os lacaios de Bowser.

Em certos momentos, o jogador precisa fazer uso da sensibilidade de movimentos do Wii Remote para obter sucesso. A Nintendo cuidou para que o game encaixasse perfeitamente com o potencial do Nintendo Wii. Quem joga New Super Mario Bros. Wii pode perceber isto, mas movimentar rapidamente o controle é algo que ocorre a quase todo o momento para os que gostam de superar os obstáculos com um pouco mais de dinamismo.

Outro item de fundamental importância que impressionou jogadores e críticos antes mesmo do lançamento do título é o modo cooperativo. Que tal chamar três amigos e tentar salvar uma princesa em apuros no controle de dois cogumelos andantes e dois encanadores? Para quem tem um conhecimento básico em Mario, isso é um forte motivo para conhecer o que este emocionante game da Nintendo tem a oferecer.

 (FONTE:BAIXA AQUI JOGOS)

DANTE’S INFERNO

Atmosfera espetacular e uma fórmula conhecida garantem a diversão no Inferno.

Pancadaria, brutalidade e botões sendo esmagados constantemente. Atualmente, esta combinação é mais que comum. Existem dezenas de jogos que possuem uma fórmula que usufrui deste fantástico combo que assola no mundo do entretenimento eletrônico. É praticamente impossível não falar de God of War quando estamos tratando de violência e do próprio gênero hack ‘n slash.

Além disso, é comum também compararmos os grandes lançamentos com a lendária aventura de Kratos. Afinal, quando GoW chegou às lojas, um novo padrão foi estabelecido, e o game ainda é utilizado como exemplo para diversos outros títulos do gênero.

Nesta geração, tivemos alguns jogos que relembram bastante a franquia da Sony que brutalizou o PlayStation 2. Darksiders é um dos exemplos mais recentes, mas há um título em específico que vem causando regozijos nos fãs do gênero: Dante’s Inferno. Depois de muita ansiedade, o Baixaki Jogos finalmente analisou o game. Será que temos apenas mais uma cópia de God of War ou o responsável por um novo padrão?

Bem-vindo ao Inferno

Dante’s Inferno se parece sim com God of War. Normalmente, esta é a primeira coisa que pensamos ou ouvimos quando iniciamos o game. Durante nossa sessão de testes, muitos espectadores até confundiram Dante com Kratos, algo que pode acontecer com qualquer um.

“Então o jogo é uma mera cópia de God of War?” Não exatamente. Primeiramente, God of War não foi o primeiro a fazer o que fez — mesmo sendo um dos mais importantes devido ao nível alcançado. Além disso, Dante’s Inferno traz uma trama diferente e interessante, inspirando-se nos nove círculos do Inferno que são retratados no épico poema de Dante Alighieri.

VIDEO COMENTADO

(FONTE: CJBR By Eng Leonardo)

Mas, aqui, Dante é um cavaleiro templário brutal com uma simples missão: salvar sua amada Beatrice. Para isso, o personagem terá de explorar os piores locais imaginados pela humanidade, enfrentando demônios e tudo que há de mais aterrorizante no mundo. Como é possível perceber, existem algumas mudanças em relação ao poema original, mas elas foram feitas para o bem da diversão.

Falando em diversão, como todo bom jogo de hack ‘n slash, Dante’s Inferno dá um show. Logo nos primeiros momentos, o jogador já percebe a intensidade que o aguarda. Depois de ser introduzido à trama com CGs belíssimas — que se qualificam facilmente entre as mais bem feitas desta geração — e animações bacanas, você encarna o poderoso e habilidoso Dante.

Depois de acabar com a própria Morte, algo já visto durante a versão demonstrativa do game, Dante inicia uma aventura que exigirá muito de seus braços. Com ajuda da ameaçadora foice roubada do próprio Ceifador, o jogador tem a chance de aniquilar facilmente qualquer um que cruze seu caminho. Dante conta com um sistema de golpes comum para o gênero, com ataques rápidos e fortes. Você ainda pode combiná-los para realizar combos ainda mais devastadores.

Além da foice, Dante também conta com uma espécie de cruz milagrosa. Mas, ao contrário do que se pode imaginar, esta cruz também é capaz de acabar com a vida dos inimigos de maneira brutal. Esta arma dispara ataques mágicos que podem atingir seus oponentes à longa distância, o que facilita a jornada do protagonista. A combinação destes dois ataques é essencial para a sobrevivência de Dante e traz um equilíbrio bacana para a fórmula.

Dante ainda conta com a possibilidade de adquirir ou aprimorar suas habilidades. Para isso, é necessário adquirir almas, que são como os pontos de experiência do game. Ao contrário da maioria dos jogos, não basta somente obter pontos de experiência e sair gastando-os em uma árvore de habilidades. Você terá de capturar os inimigos e absolvê-los ou puni-los para alimentar as determinadas barras que alimentam cada tipo de Skill Tree.

Dante é um cara poderoso

Dante’s Inferno conta com um ajuste interessante, trazendo duas Skill Trees independentes: Unholy (não sagrada) e Holy (sagrada). Cada uma conta com habilidades específicas, e jogador deverá escolher em qual delas gastará suas preciosas almas. Obviamente, você também poderá optar por um personagem híbrido — algo altamente recomendável.

Tudo isso resulta em combates realmente sólidos. O jogador tem a chance de alterar entre suas poderosas armas, a cruz e a foice, para realizar combos incríveis que resultam em um verdadeiro show de violência. Dante é tão brutal quanto Kratos, desferindo diversos tipos de ataques diferentes e arrebentando seus oponentes da maneira mais brutal possível. Os controles colaboram, trazendo uma fórmula que qualquer jogador de God of War pegará facilmente.

Artisticamente, o título é extremamente belo. Os ambientes são uma releitura muito interessante do que é retratado na obra de Dante Alighieri, fazendo com que o jogador realmente se sinta em um local que jamais deseja estar. A diferença de um círculo para outro é visível, com ambientes drasticamente diferentes e inimigos adequados para o que está sendo retratado. E tudo fica cada vez pior — no bom sentido.

Existem também alguns extras no jogo, como uma sessão de desafios que é aberta após o término da campanha — algo que deve levar cerca de 10 horas. A versão para PlayStation 3 conta com uma enxurrada de materiais bônus, incluindo o poema completo (em inglês), a trilha sonora e muito mais.

Em suma, Dante’s Inferno é um jogo no estilo hack ‘n slash que consegue divertir e cativar o jogador graças à sua fórmula simples e brutal. Sim, você esmaga os botões, mas faz isso em um jogo livre de bugs, sem loadings, com uma taxa de 60 quadros por segundo e acompanhado por uma trama que, no mínimo, fará você chegar até o fim. Pode até ser um game extremamente parecido com God of War, mas Dante’s Inferno também diverte igualmente.

Ambientação

Não há como negar: a ambientação de Dante’s Inferno é espetacular. Nos primeiros momentos do game, você ficará deslumbrado com a atmosfera do game. É comovente, por exemplo, enfrentar bebês demoníacos com lâminas no lugar de suas mãos no círculo dos não batizados. Além disso, o Inferno consegue ser realmente um lugar desprezível, graças ao fantástico trabalho da equipe de arte.

Os anéis iniciais merecem ainda mais destaque, pois trazem um design fabuloso e que definitivamente prenderá o jogador. Na Luxúria, por exemplo, o gamer encontrará vários elementos repugnantes, os quais podem ser vistos nas paredes e até mesmo na composição dos inimigos. Certamente, não se trata de uma interpretação fiel ao poema, mas Dante’s Inferno consegue migrá-la de maneira ideal para o mundo dos games.

O Inferno é divertido

Esta afirmação pode parecer estranha, mas você entenderá quando passar os primeiros momentos ao lado de Dante’s Inferno. Conforme mencionamos anteriormente, o título conta com uma fórmula conhecida por muitos e adota vários elementos de outros jogos do gênero. Mas, sua execução é muito bem feita, o que resulta em uma experiência tão divertida quanto qualquer outro jogo do gênero.

Os combates estrelados por Dante são satisfatórios. Além de poder desbloquear uma série de habilidades diferentes, o que contribui para a longevidade e diversão do game, o título também conta com outros elementos que garantem uma aventura saudável. As Relics, por exemplo, são como acessórios que podem ser equipados e fornecem habilidades passivas extras ao jogador, como ataques mágicos mais poderosos, por exemplo. Eles também são aprimorados, mas de modo automático.

Pura diversão

A variedade de combos não se compara a Bayonetta, mas Dante consegue fornecer batalhas interessantes e variadas. Normalmente, você terá de enfrentar vários inimigos de uma só vez, o que garante desafio e um espetáculo. Você se sentirá extremamente poderoso enquanto desfere ataques com sua foice e elimina os inimigos mais distantes com sua cruz sagrada.

Durante sua jornada pelo modo campanha, você enfrentará diversos inimigos diferentes, incluindo alguns mais poderosos que podem até ser controlados pelo jogador posteriormente. Há também alguns quebra-cabeças e momentos de plataforma que quebram um pouco da pancadaria.

Escolhendo seu caminho

Outro elemento que merece destaque é a possibilidade de escolher dois caminhos diferentes no game. A Visceral Games, responsável pelo título e também pelo aclamado Dead Space, conseguiu trazer algo de diferente para a fórmula, e isto foi muito bem-vindo.

As duas barras, vermelha (Unholy) e azul (Holy), situadas no canto superior esquerdo da tela são muito importantes para sua jornada. Ao agarrar um inimigo com botão R2 você terá de escolher se deseja puni-lo ou absolvê-lo. Se escolher a primeira opção, Dante finalizará o oponente de maneira brutal, e você ganhará pontos para sua barra vermelha. Entretanto, absolver trará uma morte menos sangrenta e resultará em pontos para a barra azul.

Você terá de completá-las várias vezes até atingir o nível máximo. É importante ressaltar que algumas habilidades só poderão ser conseguidas quando o jogador estiver com a barra Holy no nível três, por exemplo, o que exige que ela seja totalmente preenchida por três vezes. Portanto, é necessário escolher bem seu caminho para conseguir as habilidades mais poderosas.

Se você deseja obter tudo que o jogo tem a oferecer, então provavelmente terá de finalizá-lo diversas vezes. A adição de duas Skill Trees independentes ao game foi uma boa sacada da Visceral, e os jogadores certamente terão muitos motivos para jogar bastante Dante’s Inferno.
Bizarro é pouco

Toques extras

Alguns detalhes em Dante’s Inferno realmente surpreendem. Primeiramente, a atuação dos dubladores é surpreendente. Mesmo com algumas linhas levemente ridículas no roteiro, como a cômica “Sniff Again”, o trabalho dos atores merece aplausos. Os dubladores parecem mesmo ter encarnado cada um dos personagems, trazendo linhas expressivas e totalmente convincentes.

Além disso, os já mencionados extras da versão para PlayStation 3 também são um presentão para quem gostou do game, permitindo que o jogador conheça os bastidores da produção e saiba como é o verdadeiro poema de Alighieri. A Visceral ainda promete um modo cooperativo que será lançado como DLC, algo que estamos ansiosos para conferir.

Quanto à trilha sonora, Dante’s Inferno também merece respeito. As faixas do game combinam perfeitamente com os ambientes, trazendo um clima de tensão e angústia através de violinos e fortes batidas.

Se você é fã de God of War, então deve conferir Dante’s Inferno. Existem diversas semelhanças com o sucesso da Sony, e o game ainda consegue trazer uma trama bacana e muita, mas muita brutalidade para esta geração. Mesmo com alguns problemas, uma fórmula batida e um ritmo estranho, Dante’s Inferno faz o principal: diverte.

(FONTE : BAIXAKI JOGOS)

Darksiders:Wrath of War

Darksiders: Wrath of War conta com uma proposta interessante regada por elementos de RPG e muita ação. Com tantos jogos promissores na concorrência, o título terá de suar a camisa para se destacar. Resta esperar até janeiro de 2010, data em que o jogo chega às lojas no PlayStation 3 e Xbox 360.

Caçado pelo Paraíso e odiado pelo Inferno. No game, você encarnará War, que acaba de cair numa terrível emboscada que resultou em eventos irreversíveis do Apocalipse. Seu personagem acaba sendo banido para a Terra e perde a sua invejável imortalidade, tornando-se um ser quase comum. Seu objetivo é tentar consertar os problemas e limpar de uma vez por todas o nome de War perante seus superiores.

O bacana é que conforme o jogador progride em sua jornada, seu personagem adquire pontos de experiência, que podem ser utilizados para desbloquear novos elementos e também para aprimorar suas armas.
 Darksiders promete contar com alguns pequenos elementos do RPG, diferenciando-se dos demais títulos do estilo.

Mas, a principal arma de War é sua espada. Com ela, o personagem pode, facilmente, destruir seus oponentes, que variam desde demônios, passando por zumbis, até anjos. Além disso, esta lâmina também é muito útil para eliminar os chefes, pois, em determinados momentos, conta com um ataque que finaliza o oponente com apenas um comando. O resultado de tudo isto são litros e litros de sangue.

War também pode realizar outros ataques especiais, nos quais utiliza sua espada de várias maneiras distintas. Em um dos exemplos, o protagonista roda sua espada na vertical e horizontal, se tornando uma verdadeira hélice mortal. E estes são apenas alguns dos ataques disponíveis.

Armas e mais armas
   

Como se não bastasse o extremo poder de sua lâmina, War também conta com uma espécie de luva gigantesca, que pode ser utilizada para fazer pedacinhos das cabeças dos zumbis com apenas um botão. Há também uma arma que relembra uma shuriken de grande porte, que é capaz de eliminar vários inimigos de uma só vez como se fosse um bumerangue.

Transformando-se no Cão

O guerreiro possui uma habilidade realmente invejável conhecida como “Chaos Form”. Ao utilizar este recurso, seu personagem se transforma em um temível demônio — que até cospe fogo. Nesta forma, o jogador pode desferir ataques melee devastadores. Mas, como se pode imaginar, isto tem uma duração limitada.